MENU

Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

BSP Racing domina etapa de Buenos Aires.


Em noite de estréia, a TC PickUp Argentina fez sua primeira etapa, contando com 17 carros, a etapa no tri-oval de Buenos Aires foi um show a parte com os pilotos embolados em vários momentos.

QUALIFICAÇÃO:
Cadu Maciel (BSP Racing) Já começou a temporada fazendo uma bela pole position com o tempo de 53.515, enquanto o estreante na liga, mas experiente piloto Artur Vieira correndo pela Team Tchacha cravando o segundo tempo, com 53.750.
John Martins voltando a liga, mas correndo agora de equipe nova, com a #268 Racing foi o terceiro colocado, e Jesus Neto (BSP Racing) fechando a segunda fila.
Ainda completaram o top 10: Alexandre Oliveira, Paulo Rodrigues, Edilson Freshi, Ernesto Brock, Marco Parma e Samuel Milani.



BATERIA 1:
A primeira bateria ficou marcada de certa forma pela calmaria, largando com tranquilidade, Cadu Maciel conseguiu se manter na ponta, com um Artur Vieira vindo bastante cauteloso, com isso perdendo posições para Jesus Neto e Ernesto Brock (HVM Racing Team) na largada.
Um pequeno acidente entre John Martins e Alexandre Oliveira da CTE Racing HVM, o acabou jogando para o final do grid.
A corrida seguida bem, com Artur Vieira aos poucos recuperando as posições, enquanto Edilson Freshi (Tornado e-Motorsports) Samuel Milani (Independente) e o piloto da casa Fernando Esquitino (Branca Sport Team) andando entre o top 10.
Mais a frente Jesus Neto, Ernesto Brock e Edilson Freshi duelavam pelo 3º lugar, até que Edilson Freshi surgiu em terceiro, logo depois Jesus Neto pisa na grama e acaba rodando, mas conseguindo voltar a prova.
Ao final de 23 voltas, Cadu Maciel chegou a levar um sufoco de Artur Vieira no final, mas conseguiu a primeira vitória da tempoda, com Artur Vieira logo atrás a apenas 0.400s, e Edilson Freshi conquistando um ótimo pódio no final.
Dos 17 pilotos, 15 conseguiram finalizar a bateria.



BATERIA 2:
A segunda bateria começou com o argentino Fernando Esquitino largando na ponta por causa da inversão do grid, com Wagner Antonelo (WARacing) saindo do segundo lugar!, Jesus Neto e Alexandre Oliveira formaram a segunda fila.
A largada apesar de sem incidentes grandes foi muito disputada, com Fernando Esquitino não conseguindo se manter pela volta toda na ponta, foi quando Jesus Neto conquistou a ponta, com Alexandre Oliveira e Ernesto Brock brigando pelo segundo lugar, ainda tendo Artur Vieira aparecendo em quarto.
A corrida vinha movimentada, até que Ernesto Brock conseguiu passar por Alexandre Oliveira, mais atrás Cadu Maciel se aproximava de Artur.
Faltando pouco para o final Alexandre Oliveira começou a enfrentar problemas de estabilidade de internet, e na mesma hora Brock erra sozinho, com isso Artur Vieira pulou para o segundo lugar, seguido de Cadu Maciel, o que foi um facilitante para Jesus Neto que liderava, mas via os carros da HVM e CTE por perto.
Ao final de mais 23 voltas, Jesus Neto vence a sua primeira na temporada, Artur Vieira se defendeu bem dos ataques de Cadu Maciel e ambos fecharam os pódios desta forma, bom destaque para Edilson Freshi que fechou com dois top 5 nas baterias, e ainda teve Samuel Milani, Wagner Antonelo e Emanuel Granja (Turbo) fechando com bons top 10.
Dos 17 carros que iniciaram a bateria, 14 completaram a prova.



PROTESTOS E PUNIÇÕES:

Direção > P.Tchachalowski - +3 Pts, Sem qualy prox etapa. Mais de uma saída dos boxes na classificação.

CARTEIRA DE PONTOS:




PONTUAÇÃO PILOTOS:

Cadu Maciel inicia a temporada saindo com a liderança após duas baterias, com 41 pontos somados, enquanto Artur Vieira com os resultados saiu com 40 pontos, a apenas 1 ponto de Cadu.
Jesus Neto com a vitória na segunda bateria, iniciou a temporada em terceiro, tendo Edilson Freshi e Ernesto Brock vindo na sequencia com 27 e 26 pontos respectivamente.



PONTUAÇÃO EQUIPES:

A BSP Racing começa muito bem, com duas vitória inicia a temporada com 50 pontos, enquanto a Team Tchacha começa com 40 tentos conquistados, e a Tornado e-Motorsports já começa com o terceiro lugar com 27 pontos.


PRÓXIMA ETAPA:

Agora a categoria correrá sua segunda etapa em Cordoba, circuito também veloz e de poucas curvas, mas que com seu traçado com boas retas deverá impor um bom vacuo para ultrapassagens.


VT DA ETAPA: