MENU

Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

Matheussi vence em Monza, de Carli faz corrida segura e conquista primeiro titulo na VORC Series


A VORC Series desembarcou no histórico circuito de Monza, onde foi realizado a última etapa da clássica disputa Ford x Ferrari. Andre de Carli (Ford) chegou com uma mão na taça, com 39 pontos, mas John Martins (Ferrari) e seus 27 pontos, era o único com chances matemáticas de superar o piloto da Kings of Asphalt.

QUALIFICAÇÃO:
Pensando na estratégia de combustível, apenas 8 dos 21 pilotos que correram essa etapa, registraram tempo na classificação, já que a categoria possui a regra de parque fechado.
Fabricio Matheussi (Ford) fez o melhor tempo, com 1:44,125, sendo 0,702s mais rápido que o segundo colocado, Cadu Maciel (Ford). Na segunda fila, Andre de Carli (ford) e Ricardo Prediger (Ford) e apenas na quinta posição apareciam as primeiras Ferraris, de Dani Gomes e Paulo Rodrigues. Tonga Guardia (Ferrari), Cristiano Gomes (Ford), Martin Rossi (Ford) e Elisio Netto (Ford) fechavam os 10 primeiros. John Martins (Ferrari), na disputa pelo título largava apenas na 18º posição, em um treino que foi dominado pelos carros da Ford.


CORRIDA:
Ainda na volta de apresentação, Dani Gomes (Ferrari) protagonizou o primeiro abandono da prova.
A largada, que foi realizada ao final da tarde, transcorreu sem maiores incidentes e as 4 primeiras posições se mantiveram inalteradas.
A corrida seguia com disputas intensas, e na sexta volta, Cadu Maciel, que ocupava a 2.ª posição, encostou seu Ford fora da pista e abandonou a prova.
John Martins (Ferrari) voava na pista e na decima volta já ocupava a 4.ª posição e não demorou muito para começar os ataques a Ricardo Prediger (Ford).
Com 25 minutos de prova, Fabricio Matheussi (Ford) seguia na liderança, com Andre de Carli (Ford) em segundo, John Martins (Ferrari) em terceiro e na sequência Ricardo Prediger (Ford), Alisson Borges (Ferrari) e Tiago Pizane (Ford) fechando os 6 primeiros colocados.
Chegava a hora dos pit stops e quem estava de Ford foram os primeiros a parar já que os carros americanos nitidamente gastavam um pouco mais de combustível. Exatamente na metade da prova foi a vez dos pilotos de Ferrari entrarem no pit, deixando todos na dúvida se iam conseguir completar a corrida sem precisar fazer um splash and go.
Após as paradas, as disputas em pista diminuíram bastante, mas sem deixar de ser uma prova interessante. Faltando cerca de 20 minutos para o fim, André de Carli (Ford) e Fabricio Matheussi (Ford) se anteciparam e fizeram o segundo pit stop, apostando que a prova não teria intervenção do Safety Car até o final.
No decorrer da prova os pilotos iam parando para fazer um splash and go, enquanto John Martins (Ferrari) seguia na liderança, de olho na aproximação de Fabricio Matheussi (Ford).
Nos minutos finais, Alexandre Oliveira (Ferrari) escapou da pista e bateu na proteção de pneus, abandonando a prova.
Na abertura da última volta, John Martins (Ferrari) entrou nos boxes para colocar combustível, deixando o caminho livre para Matheussi partir para a vitória.
Assim, depois de 35 voltas completadas, Fabricio Matheussi levou a Ford a vitória na casa da Ferrari, com John Martins (Ferrari) em segundo e garantindo o vice campeonato.
Alisso Borges (Ferrari) foi uma grande surpresa ao terminar em terceiro conseguindo fazer apenas um pit stop na corrida. Na quarta posição, André de Carli (Ford) confirmando o título de pilotos.
Na sequência chegaram Luciano Rocha (Ford), Ricardo Prediger (Ford), Tiago Pizane (Ford), Fernando Esquitino (Ferrari), Jonatan Brochier (Ferrari) e Emerson Czerkawsky (Ferrari) fechando os 10 primeiros colocados dos 16 que completaram a prova. Ainda na última volta tivemos o abandono de Paulo Rodrigues (Ferrari) e Martin Rossi (Ford), ambos sem combustível.
Assim se encerrou um campeonato fantástico, com pilotos de alto nível e disputas fantásticas nas pistas americanas e italianas.


PROTESTOS E PUNIÇÕES:
Corte de saida dos boxes.
Martin Rossi: +20s, N2 - Voltas 14,24
Tiago Pizane: +30s, N3 - Voltas 17, 28, 30
Emerson Barina: +10s, N1 - Volta 18


PONTUAÇÃO PILOTOS:
André de Carli vence o campeonato com 47 pontos, John Martins foi o vice campeão com bons 39 pontos, enquanto Fabricio Matheussi ainda fechou a temporada com o terceiro posto com seus 34 pontos.


PONTUAÇÃO EQUIPES:

A Kings of Asphalt foi a campeã de equipes, com a #268 Motorsport sendo a vice lider com 39 pontos, a V-Horse Racing Team fechou com 34 pontos no total.


VT DA ETAPA: