MENU

Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

Nathan Matos e Leo de Souza vencem em Surfer’s Paradise.

A segunda etapa da Cisco Air Ferrari Challenge aconteceu no traçado de Surfer’s Paradise, ainda no traçado antigo maior, hoje não existente mais. Mas o que propiciou uma boa prova de rua para os pilotos, ainda que com os perigos da pista de Gold Coast deu aos pilotos a grande experiência de sobreviver a etapa até o final.


QUALIFICAÇÃO.
GTE.
Nathan Matos colocou a Voltz e-Racing Team na pole position com o tempo de 1:42.216, sendo seguido de perto pelo piloto Elisio Netto da Cisco Air Racing que foi o segundo colocado.
Vinicius Gonçalves, Emerson Czerkawski e Vinicius de Oliveira completaram o top 5 da classe.

GT3.
Bruno Barboza da WW RKL E-Sports cravou a segunda pole da temporada, com 1:46.351, enquanto seu companheiro de equipe Wagner Mendonça foi o segundo colocado no grid.
Leonardo de Souza, Felipe Reus e João Pedro completaram o top 5 da classe.



CORRIDA.
GTE.
A corrida dentro da classe começou bem, com todos se mantendo bem até a primeira amarela, sempre liderada por Nathan Matos que mostrava ter um ritmo muito melhor na pista australiana.
Com a primeira amarela, o que mudou foi a posição de Elisio Netto que vinha em segundo lugar e passou ao 8º lugar na classe.
Nathan seguiu líder até a volta 20 quando parou e viu Elisio Netto ir a ponta, e na sequencia Vinicius Gonçalves da BMRS E-Sports
Na 31ª volta Nathan voltou a ponta de onde não saiu mais para vencer, com Elisio Netto em segundo após duelo na última relargada onde ultrapassou o piloto Fabricio Matheussi (4EverBr) que fechou em terceiro.
Vinicius Gonçalves, Ernesto Brock, Vinicius de Oliveira, João Hebert e Marco de Andrade foram os 8 pilotos que finalizaram a prova na classe.

GT3.
Na GT3 a corrida foi muito movimentada, com as estratégias mudando muito durante as amarelas, Bruno Barboza liderou a prova até a 19ª volta, quando resolveu fazer sua parada, sendo, Leo de Souza o líder com sua Kemba Racing.
Na sequência o líder foi Dani Gomes da Chrome Racing, com as estratégias das amarelas, alguns pilotos não conseguiram se recuperar.
Thallisson Santos (Herdez Competition) assumiu a liderança e parecia vir para uma vitória, um uma muvuca na relargada, fez o piloto danificar seu carro, com isso Leonardo de Souza assumiu a liderança de onde não saiu mais vencendo sua primeira corrida em campeonato.
Wagner Mendonça foi o segundo colocado e Dani Gomes completou em um ótimo pódio.


PROTESTOS E PUNIÇÕES.
Não houve protestos.

PONTUAÇÃO CARTEIRA PUNITIVA.
Julio de Paula +3,5 pts
Elisio Netto +3 pts
Edgar Horst Jr +3 pts
Paulo Rodrigues +3 pts
Marcio Rocha +2,5 pts
Hélio Vamberto +2 pts
João Pedro +2 pts
Alex Dance +1,5 pts
Michel Oliveira +1,5 pts
Thallisson Santos +1,5 pts
Alexandre Oliveira +1 pt
Achylles Junior +1 pt
Marco de Andrade +1 pt
Bruno Strauss +1 pt
Elvis Reis +0,5 pt
Vinicius de Oliveira +0,5 pt
Wagner Bolis +0,5 pt

CAMPEONATO GTE.
PILOTOS.
Fabricio Matheussi segue líder do campeonato com 25 pontos, enquanto Elisio Netto vem em segundo, com Nathan Mattos pulando para o terceiro lugar no campeonato.


EQUIPES.
A Cisco Air Racing assumiu a liderança com 39 pontos, e a 4EverBr na segunda posição. A VOLTZ avançou para o terceiro lugar.



CAMPEONATO GT3.
PILOTOS.
Wagner Mendonça assume a liderança do campeonato com 22 pontos, tendo seu companheiro de equipe Bruno Barboza na vice a apenas 1 ponto atrás.
Leonardo de Souza com a vitória pulou para o terceiro lugar no campeonato com 20 pontos.


EQUIPES.
A WW RKL E-Sports é a lider com 43 pontos, contra 21 da Chrome Racing, seguida pela Kemba Racing que vem em terceiro lugar no campeonato.



PROXIMA ETAPA.
Agora a categoria vai ao traçado de Magny Cours na França para a terceira etapa do campeonato, que segue em aberto nas duas classes.

VT DA ETAPA