MENU

Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

Vinicius de Oliveira supera expectativas e é campeão da Cisco Air OFF Road Series.


A grande final da Cisco Air OFF Road Series foi um desafio a parte para os pilotos, em uma pista de 16 quilômetros, e muitos desafios, os pilotos encararam os 200km de corrida de forma de entender a resistência do evento. E a briga pelo título veio com 5 concorrentes onde o campeão veio após um drama e superação.

QUALIFICAÇÃO.
A categoria não fez uma qualificação para o evento, foi usado a classificação do campeonato pela ordem inversa, com isso o grid ficou assim:

01º - Paulo Rodrigues – Time XtraBe – Toyota
02º - Marco de Andrade – M Tech Sports – Toyota
03º - Luciano Rocha - #268 Racing – Ford
04º - Marcio Rocha – Cisco Air Racing 2 – Ford
05º - Hélio Vamberto – Equipe Piratas – Ford
06º - Thiago de Battisti – CR Motorsports – Chevrolet
07º - Jonatan Brochier – Chrome Racing – Chevrolet
08º - Ernesto Brock – HVM Racing Team – Nissan
09º - Vinicius de Oliveira – Cisco Air Racing - Toyota
10º - Ricardo Prediger – Team Schnell – Chevrolet
11º - Emerson Czerkawski – HVM Racing Team – Nissan
12º - Dani Gomes – Chrome Racing – Chevrolet
13º - John Martins - #268 Racing – Ford

CORRIDA.
A etapa começou com muitas disputas com a inversão, os pilotos se amontoaram de forma que gerou muita confusão no começo.
Ricardo Prediger (Team Schnell) disparou bem na dianteira, com na sequência a briga vindo entre Emerson Czerkawski (HVM Racing Team) e Dani Gomes (Chrome Racing) brigando pelo título no mano a mano.
Prediger e Brock (HVM Racing Team) foram os primeiros que brigavam pelo título a abandonar a prova.
Enquanto isso Jonatan Brochier colocava sua Chrome Racing vinha em recuperação na prova, lutando para subir posições.
Depois do abandono de Dani Gomes parecia que Emerson Czerkawski seria o campeão, mas Vicinius de Oliveira (Cisco Air Racing) torcia por uma hecatombe com o piloto “da casa” e vinha sobrevivendo na pista.
Até que na volta 8, Emerson Czerkawski perde os freios de sua Trophy Trucks e bate forte, deixando a prova. Com isso o título voltaria a mãos de Dani Gomes que precisava que Vinicius de Oliveira não chegasse ao segundo lugar.
A corrida foi seguindo e Jonatan Brochier cruzou a linha de chegada em primeiro lugar, deixando uma briga no mano a mano no final, onde Vinicius de Oliveira conseguiu a ultrapassagem sobre Paulo Rodrigues e assim conquistando os pontos que precisava.
Os três pilotos foram os únicos a completar a final mexicana da OFF Road Series. Vindo para mais uma vez um piloto improvável mas que acreditou até o fim para se sagrar campeão.


PROTESTOS E PUNIÇÕES.
R.Prediger > E.Czerkawski – 5:58 – Indeferido.
R.Prediger > D.Gomes – 5:58 – Indeferido.
R.Prediger > D.Gomes – 14:10 – Indeferido.
R.Prediger > E.Czerkawski – 14:10 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 14:45 – Indeferido.
R.Prediger > V.de Oliveira – 16:23 – Indeferido.
R.Prediger > D.Gomes – 22:31 – Indeferido.
R.Prediger > E.Czerkawski – 22:37 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 22:57 – Indeferido.
R.Prediger > V.de Oliveira – 25:54 – Indeferido.
R.Prediger > E.Czerkawski – 31:25 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 31:39 – Indeferido.
R.Prediger > D.Gomes – 32:05 – Indeferido.
R.Prediger > E.Czerkawski – 39:36 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 39:50 – Indeferido.
R.Prediger > E.Czerkawski – 48:03 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 48:03 – Indeferido.
R.Prediger > V.de Oliveira – 57:21 – Indeferido.
R.Prediger > E.Czerkawski – 64:33 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 64:33 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 73:07 – Indeferido.
R.Prediger > E.Czerkawski – 74:00 – Indeferido.
R.Prediger > V.de Oliveira – 76:10 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 81:51 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 89:50 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 98:20 – Indeferido.
R.Prediger > J.Brochier – 106:50 – Indeferido.

*Protestos indeferidos por duas causas, 1) o horário fora do limite, e 2) o que é acordado em briefing pode sobrepor um regulamento, e não houve contestações no briefing.

CAMPEONATO DE PILOTOS.
Vinicius de Oliveira com isso sai campeão com 72 pontos conquistados, enquanto Dani Gomes sai com 69 pontos, empatado com Emerson Czerkawski.


CAMPEONATO DE EQUIPES.
A Chrome Racing conquista o titulo do campeonato com 125 pontos, enquanto a HVM Racing Team sai com o vice fazendo 111 pontos.
A campeã de pilotos Cisco Air Racing ainda conquistou o terceiro lugar com 72 pontos.


VT DA ETAPA.