MENU

Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

Melbourne e final com requintes de drama!!!

A quinta e ultima etapa da Cisco Air Endurance Ocêania foi para Melbourne, para uma final para lá de emocionante, com 23 carros, a corrida contou com duas amarelas, e teve na GTD uma briga pelo titulo intensa e com muito drama.


QUALIFICAÇÃO.
A pole na DPi ficou com Leonardo de Souza (Kemba Racing) que fez 1:38.971, sendo seguido de perto por Fabricio Matheussi da 4EverBr que fez 1:39.750.
Vinicius de Oliveira, Ernesto Brock, Dani Gomes, John Martins, Jesus Neto, Gabriel Pecly e Emerson Czerkawski completaram o top 9 dos DPi.

Na GTD, Elisio Netto (Cisco Air Racing 3) cravou a pole com o tempo de 1:50.851, seguido de perto por Marcio Rocha seu companheito pelo time 2 que fez 1:51.726.
Na sequencia o top 10 foi formado por: Renan Mello, Vinicius Ritter, Alexandre Oliveira, Paulo Rodrigues, Fabio Minski, Filipe Barreto, Jonathan Holohan e Vinicius Gonçalves.


CORRIDA.
DPi.
A briga pela vitória foi entre Matheussi e Leonardo de Souza, onde chegaram a se tocar em determinado momento. Tendo John Martins (#268 Racing) e Gabriel Pecly (Hoperarios Bravo Racing) brigando por terceiro lugar, e hora tendo Vinicius de Oliveira da Cisco Air Racing.
No final Leonardo de Souza levou a vitória com 45 voltas completadas, com John Martins em segundo após punição a Gabriel Pecly, Fabricio Matheussi foi o terceiro e Gabriel Pecly em quarto.
Vinicius de Oliveira, Ernesto Brock, Emerson Czerkawski e Dani Gomes, foram os DPi que completaram a prova.
Mesmo punido em 20s Leonardo de Souza conquistou a vitória na etapa australiana.

GTD.
Na GTD a corrida contou com uma super disputa, com Elisio Netto saindo na ponta, e seu principal concorrente Julio Cesar (4EverBr) largando do fundo do grid, tudo começou difícil para o piloto, que ainda passou por mais pelo menos dois incidentes que o fizeram sair da pista em determinados momentos, Renan Mello (4EverBr) bem que tentou chegando a liderar a prova. Mas perdeu para Elisio, e ainda acabou se envolvendo em um acidente com com Julio que quase fez tudo ir por terra abaixo.
Mas ao final de 42 voltas para os pilotos da GTD, a vitória ficou Elisio Netto com Julio Cesar chegando em segundo e garantindo o titulo da temporada.
Alexandre Oliveira colocou a CTE Racing HVM em terceiro na corrida.
Renan Mello, Jonatan Brochier, Marcio Rocha, Vinicius Ritter, Fabio Minski e Jonathan Holohan foram os 9 carros que completaram na classe GTD.


PROTESTOS E PUNIÇÕES.
P – L.de Souza > F.Matheussi [37:29] Indeferido.
P – C.Santana > L.Lemos [05:05] +20s, N3.
P – J.Cesar > M.Rocha [14:33] +10s, N1 - ultrapassagem irregular
P – F.Matheussi > L.de Souza [37:40] +20s, N2 – toque gerando acidente.
P – J.Martins > G.Pecly [81:49] +20s, N2 – toque gerando acidente.
P – Direção > V.Ritter [volta 13 lider] +10s, N1 – Corte linha saída de box.

PONTUAÇÃO NA CARTEIRA PUNITIVA.
John Palauro > 9 pts
Filipe Barreto > 8 pts
André Sutti > 6 pts
Elisio Netto > 6 pts
Fabio Minski > 6 pts
Gustavo Alves > 6 pts
Gabriel Pecly > 7 pts
Marcio Rocha > 6 pts
Julio Rodrigues > 4 pts
Cyro Santana > 3 pts
Dani Gomes > 3 pts
Emerson Czerkawski > 3 pts
Ernesto Brock > 3 pts
Jonathan Holohan > 3 pts
Julio Cesar > 3 pts
Leonardo de Souza > 5 pts
Marco Parma > 3 pts
Vinicius Gonçalves > 3 pts
Vinicius Ritter > 4 pts
Luiz Lemos > 2 pts
Renan Mello > 2 pts
Alexandre Oliveira > 1 pt
Fabricio Matheussi > 1 pt
Paulo Rodrigues > 1 pt

PONTUAÇÃO DPI.
PILOTOS.
Leonardo de Souza vai a 60 pontos no campeonato, e se sagra campeão do campeonato, com John Martins mesmo com uma etapa a menos conquistando 47 pontos, e vindo ao vice campeonato.
Fabricio Matheussi levou o terceiro lugar no campeonato com 46 pontos.


EQUIPES.
A HVM Racing Team foi a grande campeã de equipes, com 64 pontos conquistados, vendo a Kemba Racing com o vice campeonato e a #268 Racing fazendo outros 47 pontos e fechando o top 3 do campeonato.


PONTUAÇÃO GTD
PILOTOS.
Julio Cesar fecha o campeonato em segundo lugar com uma vitória e quatro segundo lugares, fazendo uma temporada muito constante até então e fazendo 63 pontos.
Elisio Netto foi o vice campeão, com 60 pontos, ou seja 4 vitória, com a desclassificação em Adelaide sendo crucial para a perda de mais um titulo pelo piloto alagoano.
Renan Mello fez uma ótima temporada e apareceu com 41 pontos em terceiro lugar no campeonato.


EQUIPES.
A 4EverBr conquistou o titulo com 104 pontos contra 60 da Cisco Air Racing 3, enquanto a CTE Racing HVM foi a terceira colocada com 39 pontos conquistados.


PRÓXIMA TEMPORADA.
Agora a categoria vai para o Oriente Médio, com novidades, com a troca dos DPi e GTD pelos LMP2 e os GTE no grid.

VT DA ETAPA